terça-feira, 15 de abril de 2008

Regressar...


Hoje preciso de conversar. Sei que me escutarás, aí desse outro lado desta minha janela, chamemos-lhe assim... Preciso de te contar das coisas que se fazem urgência, que é preciso que sejam ditas. Sabes, quando criei este espaço, há quase seis meses, fi-lo por uma série de razões que guardarei apenas para mim... E do mesmo modo, quando o encerrei, há pouco mais de uma semana, tinha os meus motivos que não serão com toda a certeza fascinantes para a blogosfera e que por isso mesmo, ficam aninhados no meu peito. Na semana em que não escrevi, vinha só aqui de fugida, ao fim da noite, para publicar os comentários. E foi com incrédula surpresa que fui recebendo as vozes dos que me lêem, ecos de sentimentos, de emoções, de impressões dos que me visitam regularmente. Perplexa, atónita, ouvi vozes que nem sonhava existirem... e senti de repente, muito medo. A responsabilidade soou pesada, como um fardo subitamente carregado de mais. Eu, que aqui venho diariamente falar sozinha, encontrar-me com as palavras, apaziguar-me com o silêncio (vá-se lá saber como ou porquê...!), digo coisas que tocam a vida e a alma de leitores que andam por aí, vigilantes... Mas depois, como açucar no mel, em forma de sorriso, veio outra descoberta: alguém me sentira a falta, alguém me notara a ausência... ou melhor, a falta das coisas que eu digo. Porque, queria muito que entendesses, eu sou apenas uma voz. Não pretendo ser nada mais do que isso. Mas esta voz está hoje diferente... Hoje sinto que não estou só, que há quem me beba as palavras, atentamente, quem me siga os passos diariamente, talvez porque neste espaço falamos a mesma linguagem, a das emoções, reais ou fictícias, presentes ou passadas, apenas emoções. E é tão difícil falar de emoções, de afectos... Por vezes rasga-nos a alma mas é uma dor que traz consigo o alívio, a catarse. E é disso que continuarei a falar porque não conheço outra linguagem nesta ilha onde me pacifico... onde me encontro todas as noites a sós comigo. É por tudo isto que quero dirigir-me hoje aos que nos últimos dias me deixaram um comentário na caixa do correio, aos que comigo falaram pessoalmente, aos que me telefonaram, aos que me escreveram... A todos os meus comentadores, identificados, anónimos, bloggers, retribuo o carinho e reitero o convite para que voltem sempre e se sintam em casa. Eu sei, a casa é minha, mas habitada tem outra doçura, outro encanto. As minhas portas estarão sempre abertas para quem me quiser visitar e partilhar palavras. Regresso acarinhada, mimada, recuperada, eu diria até, feliz. Porque descobri que há lugares onde nos sentimos bem, onde desejamos ficar para sempre, de onde só saímos se nos expulsarem, se não nos sentirmos desejados... e este blog é um lugar assim. Pequenino, mas um lugar... onde me apetece ficar.
Prometo voltar amanhã... Volta tu também.

10 comentários:

Na Ponta dos Pés disse...

Até amanhã, então.
Beijinhos

Anónimo disse...

Eu nunca saí daqui...
Tu é que partiste, lembras-te?

Beijinho

F. Semedo disse...

Óptimo regresso, em força e uma serena coragem... como sempre!
Um abraço

Anónimo disse...

Andavas mesmo distraída, linda!
Beijinho

Anónimo disse...

Acabei de te visitar para saber se os apelos tinham ecoado até ti ... e sim estiveste bem: respondeste à chamada.
Acabo de te ler e, como sempre, sinto em mim a leveza de alma que decorre da preciosidade duma partilha generosa, dum tesouro só teu e ... só meu. Escreves na solidão do teu recanto ... eu leio-te e aconchego-te no meu regaço solitário. Dois actos distantes e solitários mas que se completam e que, só assim, ganham razão de ser. Deixas-me serena, hoje fiz a minha "boa acção" ... ouvi a tua voz.
Beijo

Anónimo disse...

I'll be here. As usual.

L.P. disse...

E é possível abandonar um grande amor?

Beijinho

Manela disse...

Cá estarei!
Beijoca

Home Theater disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Home Theater, I hope you enjoy. The address is http://home-theater-brasil.blogspot.com. A hug.

sentidos de coimbra disse...

Olá querida amiga,

Lá fora já fica a paisagem.
Cá dentro quem amamos. As tuas palavras, depois de desapegadas, alentam quem as encontra. E só as encontram, quem está dentro!
Volta sempre e fica, eu volto contigo!
Com ternura,

cris