segunda-feira, 4 de abril de 2011

Do desassossego


O coração, se pudesse pensar, pararia.

Bernardo Soares, Livro do Desassossego

2 comentários:

Maria Campos disse...

Não menina, o coração não
pensa. Se o fizesse, deixava de ser coração. O que nos equilibra, o que nos faz caminhar quando o coração aperta, é a razão.
No entanto, que vida sería a nossa, sem ele a fazer-nos vibrar ? ?...

Fica bem.

De Profundis disse...

Obrigada pelas palavras, Maria.

Um beijo