sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Dias assim


Há dias em que morro de amor.
Nos outros, de tão desamado,
morro um pouco mais.

Casimiro de Brito, in Arte de Bem Morrer
 

4 comentários:

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Não conhecia. É lindo!

beijo amigo

Lídia Borges disse...


Morrer de amor dói mais ou menos do que morrer por falta dele?...


Beijo

Anna disse...

Obrigada, Daniel!

Beijo retribuído :)

Anna disse...

O desamor dói mais forte, mata mais fundo...

Beijo, Lídia.
Bom fds :)