quarta-feira, 28 de março de 2012

O Fogo da Memória


Uma fogueira é sempre uma celebração entre o ar e outra matéria.
Vem. Vamos arder nos braços um do outro. Depois, as cinzas
hão-de espalhar-se pela memória desta noite.

Joaquim Pessoa, in Ano Comum

13 comentários:

Anónimo disse...

Nossa...
Assim você me mata...

;)

Lídia Borges disse...

Pois! Assim é que é.
Do erotismo à recta final de uma tese memorável.

Um beijo

Anna disse...

Lídia, já ouviste falar de algum caso de loucura motivado pela escrita de uma tese? Já? Acho que vou ser eu a primeira... :)
Pelo menos, cabelos brancos tem-me dado com fartura!

Beijos, muitos!

Anónimo disse...

Eu sei dum louco que tinha uma tese...

Maria João disse...

A loucura, enquanto estado aquém e além do puramente racional, tem um enorme poder criativo. Uma espécie de celebração da vida... como a "fogueira" referida pelo poeta. :-)

Um beijinho grande, e bom trabalho!

Anna disse...

E tinha-a antes ou depois de enlouquecer, caríssimo Anónimo? É que é deveras importante para mim saber deste pormenor...

Muito grata,

Respeitável beijinho :)

Anna disse...

A loucura é criativa, sim, Maria João. Pelo menos é o que consta por aí...

Beijos, muitos :)

Anna disse...

P.S - Obrigada pelos votos, Maria João. Estou cansada de escrever... estou farta de escrever... estou zangada com as palavras :(

Anónimo disse...

Podes saber todos os pormenores no livro de "auto-ajuda" Mein Kampf...

PS: Esqueci-me de dizer que o louco, para além da tese também tinha um bigode. Parece-me que este será com certeza o aspecto onde terás mais dificuldade em emitá-lo, se é que estás a pensar inspirar-te nessa alma caridosa...

PS2: Se optares pelos métodos dele, não te esqueças da minha sogra...Adorava guardá-la para todo o sempre em forma de sabonete...

;)è agora que vou à psiquiatria...

Daniel Silva (Lobinho) disse...

E também se pode ficar quedo perante coisas tao belas como uma brisa que nao quer acordar?

um beijinho

Anna disse...

:)
Um beijinho, Daniel.
Obrigada pela visita :)

Maria Campos disse...

Zangada com as palavras?
Ficção!

Bom trabalho:)

Anna disse...

Obrigada, Maria :)

Beijo