terça-feira, 11 de novembro de 2014

Jogos de silêncio


Só tenho esta arma: as palavras.
Como queres que lute na arena do silêncio?

6 comentários:

Luís M.Castanheira disse...

"Um homem pode, se tiver a verdadeira sabedoria, gozar o espectáculo inteiro do mundo numa cadeira, sem saber ler, sem falar com alguém, só com o uso dos sentidos e a alma não saber ser triste."
in: Fernando Pessoa_Livro do Desassossego

palavras voando que escapam ao cerco

curtas, belas e profundas

Um abraço

heretico disse...

o silêncio faz a "música" ...

beijo

Anna disse...

Tão grata, Luís :)

Abraço

Anna disse...

E por vezes a música é ruído.

Obrigada, Herético :)

Gustavo disse...

Cada silêncio tem o seu som próprio, eco da mudez das palavras (sub)entendidas.

Abrajo (abraço seguido de beijo)

:)

Anna disse...

Nós por cá dizemos "abreijo" :)

Abraço, Gustavo.