sábado, 29 de outubro de 2011

A chave das palavras

Chega mais perto e contempla as palavras.
Cada uma tem mil faces secretas sob a face neutra
e te pergunta, sem interesse pela resposta
pobre ou terrível, que lhe deres:

- Trouxeste a chave?


Carlos Drummond de Andrade 

4 comentários:

BRANCAMAR disse...

Belíssimo!

A chave das palavras, ás vezes tão secretas, pode ser um momento em muitos momentos, a procura de muitas num molhe de chaves que abre muitas portas e nem assim ser a porta original, aquela que o autor abriu e talvez nem ele esteja já na mesma ombreira, quando acabou de as escrever.

Beijos.

Anna disse...

É tão verdade tudo o que diz, Branca!
Obrigada pela partilha,

Beijinho

Maria João disse...

Como um segredo dentro das sílabas, à espera de um entendimento maior ou de todos os entendimentos possíveis.

Um beijinho

Anna disse...

E há segredos que para sempre serão isso mesmo, segredos.

Um beijinho, Maria João :)